Fit Cultural: como desenvolver e quais os benefícios para empresas?

6 minutos para ler

Você sabia que, atualmente, as empresas não avaliam somente o histórico profissional do candidato? Na verdade, os recrutadores vão além disso, ao analisar o Fit Cultural de cada pessoa que pretende ingressar no mercado de trabalho.

No entanto, o que quer dizer esse termo que vem sendo bastante empregado nas organizações ao redor do mundo? Para explicar melhor o que significa Fit Cultural, preparei este post que vai esclarecer tudo sobre o assunto. Então, vamos conferir?

O que é Fit Cultural?

O termo serve para definir objetivos, valores e ideias que sejam comuns tanto entre as companhias quanto seus colaboradores. A partir daí, é possível evitar contratações desnecessárias que venham a prejudicar toda a equipe.

Assim sendo, o ato de fazer uma avaliação sobre Fit Cultural torna-se especialmente importante, pois aumenta a probabilidade de contratar pessoas que agreguem muito mais para a empresa que somente aquilo que está descrito em seus currículos.

Pense que você pretende contratar alguém para trabalhar na sua companhia. Contudo, esse profissional deseja atuar sozinho em um ambiente informal e com horários flexíveis! Ainda, para completar, a vaga que ele pretende ocupar exige atuação em equipe e não há flexibilidade de horários! Então, imagine o que poderia acontecer?

O mais óbvio é que essa pessoa vai deixar logo o cargo, tendo em vista que, embora seja qualificado, não vai se enquadrar na carreira pretendida, não é mesmo?

Quais são vantagens do fit cultural?

O Fit Cultural oferece vários benefícios para a empresa, por isso, adotar essa prática é algo vantajoso. Afinal, se a organização tem uma equipe muito bem alinhada, ela potencializa os lucros e todos saem ganhando.

A seguir, saiba quais são as vantagens que o Fit Cultural pode trazer para sua empresa ou o local onde trabalha!

Precisão nas contratações

Ao fazer uma avaliação do Fit Cultural de um candidato, as chances de contratar um colaborador totalmente alinhado com a empresa são enormes. Além disso, existe a possibilidade de haver compartilhamento de experiências importantes para todos os envolvidos.

Afinal, esse profissional consegue se relacionar bem com todos os colegas, criando um ambiente de trabalho mais amistoso e produtivo.

Assim sendo, é possível criar uma equipe que seja coerente e sensata, porque promove o favorecimento de um local mais positivo e com harmonia.

Posso ainda acrescentar que contratar com precisão também produz vantagens ao longo dos anos, uma vez que a base da empresa se torna mais forte, assegurando o sucesso da companhia em todos os sentidos.

Retenção de funcionários

É muito relevante que os funcionários da empresa estejam ligados no espaço no qual trabalham. Sendo assim, se existe mais satisfação e o colaborador se identifica com as diretrizes da companhia, há mais chances dele permanecer por mais tempo.

O resultado é a redução enorme da rotatividade, contribuindo para o amadurecimento da equipe, assim como diminuição de maneira drástica dos atrasos e faltas que normalmente acontecem em qualquer empresa.

Envolvimento dos colaboradores

Se os princípios das pessoas encontram-se engajados com as crenças da empresa, fica mais evidente que elas estejam comprometidas com tudo o que se refere ao negócio. Logo, vão gerar mais resultados e, consequentemente, todos saem ganhando. Por isso é tão importante que todos estejam envolvidos na empresa.

Concordância de equipes

Pense assim: a equipe que atua em conjunto com os interesses da companhia, provavelmente, vai estar engajada com os objetivos dela.

Afinal, não podemos negar que existam diferenças tanto pessoais quanto profissionais no ambiente de trabalho, mas, se houver esse comprometimento por parte de todos, as chances de existirem problemas decorrentes das desavenças serão bastante minimizadas.

Aumento da produtividade

Ao comprovar a identificação com as crenças da empresa, o colaborador sente-se mais valorizado e satisfeito por fazer parte daquela equipe. Por conseguinte, ele se torna mais proativo e consegue melhores resultados em todas as ações que desempenhar.

Como analisar o Fit Cultural do candidato?

Você pode imaginar que apresentar incompatibilidade de Fit Cultural entre a empresa e o colaborador não traz benefícios para todos os integrantes de uma equipe, concorda? É bem fácil de imaginar os resultados, tendo em vista que haverá desconforto e até intrigas com o passar do tempo. Prejuízo para os diretores, prejuízo para os funcionários!

Por exemplo, se a empresa é mais tradicional e trabalha com rigidez de horários e até o uso de um dress code mais formal, não vai haver sentido algum empregar alguém com um perfil de startup, ou seja, mais adaptável ao sistema da organização.

Em outras palavras, para que uma pessoa possa fazer parte do quadro de funcionários de uma empresa, é fundamental que ela esteja alinhada com seus valores, tendo em vista que ela vai representar o negócio, “vestindo a camisa da companhia”!

Cultura da empresa

Aqui é preciso dizer que a empresa deve transparecer seus valores e crenças, assim como o colaborador deve deixar claro quais são seus objetivos e os interesses que o levam a trabalhar naquele lugar!

Essa é a chave-mestra que vai definir a cultura organizacional da instituição, sendo que tudo deve estar bem esclarecido já no primeiro contato com os candidatos. Isso não deve ser vivenciado somente no dia a dia de trabalho, pois se corre o risco de haver muito mal-entendido no meio do caminho.

Nos dias de hoje, as empresas fazem muito uso das redes sociais, a fim de mostrar como elas estão se posicionando no mercado e quais são suas opiniões diante de qualquer problema que mobilize a sociedade. Assim sendo, já é possível analisar como a empresa pensa e qual é o Fit Cultural de seus colaboradores.

Ao entender como o Fit Cultural pode aumentar as chances de criar equipes bem treinadas e extremamente capacitadas, a empresa consegue alinhar seus interesses com os dos seus colaboradores. Desse modo, todos saem ganhando, uma vez que o progresso e o sucesso tornam-se os objetivos de todos!

Se gostou do artigo e quer saber o que é Gestão de Reputação, leia o post que preparei para você em meu blog!

Rachel Jordan é uma referência no mercado brasileiro de Consultoria de Imagem e Comportamento. Ministra cursos, oficinas e workshops por todo Brasil e online. É colunista da Claudia online, colaboradora de sites de comportamento e estilo.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Share This