Dicas simples e práticas para elevar a autoestima Dicas simples e práticas para elevar a autoestima

6 dicas simples e práticas para elevar a autoestima

4 minutos para ler

Que tal um exercício de reflexão? Quantas vezes no último mês você se olhou no espelho e ficou satisfeita com o que viu? E mais, quantas vezes concluiu uma tarefa no trabalho e se sentiu plenamente realizada e orgulhosa do resultado de sua dedicação? Levantar esses pontos é uma tarefa fundamental para descobrir como está a sua autoestima e, principalmente, como você está deixando que ela interfira nas suas relações sociais e, claro, no dia a dia do seu trabalho. 

Estar bem consigo mesma, conseguir enxergar os seus melhores valores e qualidades e lidar bem com seus defeitos são desafios diários na construção de uma personalidade forte. Hoje, aqui no blog, vamos dar algumas dicas de como elevar a autoestima e, assim, garantir que você consiga sucesso em todas as suas atividades e mais confiança e respeito no seu ambiente de trabalho.

Entenda e aprecie as suas qualidades

Está num dia difícil, abalada e com dificuldade de desempenhar suas tarefas por não acreditar em si? É hora de listar tudo aquilo em que você é boa. Pode ser no papel ou num documento no computador. Enumere as suas habilidades, seus méritos e veja o quanto você é boa em muitas coisas!

Pode ser desde a sua facilidade em lidar com colegas de trabalho, a sua capacidade de organização ou até mesmo a simpatia elogiada pelos clientes. Saber enxergar o que você faz de melhor ajudará a se valorizar mais e abrir a porta para que também te deem valor! 

Pegue leve com você mesma

Quando algo der errado, não seja tão dura com você mesma. Falhas são inevitáveis em vários momentos da vida e não há motivo para se torturar por isso. Um bom exercício é sempre pensar em como você se comportaria se fosse conversar com um colega de trabalho que acabou de cometer um erro.

Aja com você da mesma forma que você o aconselharia. Aprenda a valorizar as suas vitórias no trabalho e na vida. Acredite no seu talento e que suas conquistas não foram “sorte”. Foi tudo graças ao seu esforço.

Faça uma autoavaliação

Você está feliz no seu atual emprego? Acha que algo no seu visual não te agrada? O tempo que você destina ao lazer não está suficiente? Essas e muitas outras perguntas podem revelar problemas que, acumulados, jogam a sua autoestima lá para baixo. Isso acarreta problemas de confiança e, muitas vezes, você chega a colocar em dúvida a sua própria capacidade. Então, identifique as lacunas e problemas e trabalhe para mudar, gradativamente, todos esses aspectos que você levantar. 

Fuja dos sanguessugas

Você não leu errado! Tem gente que entra de certa forma na nossa vida e acaba sugando nossa energia. Colegas de trabalho e chefes abusivos, por exemplo, não podem ter espaço demais na sua rotina. Não deixe que ninguém te critique a ponto de abalar a sua autoconfiança. Acredite em si e não deixe que opiniões, broncas ou conselhos inadequados te coloquem para baixo. Corte o que não te faz bem!

Reconheça as suas falhas

Todo mundo tem muito a aprender na sua área de trabalho e na vida como um todo. Por isso, se você perceber dificuldades em sua rotina, não deixe que isso te abale! Aproveite a oportunidade para estudar e buscar conhecimento. Observe, também, seus defeitos e trabalhe para desenvolver formas de amenizá-los! Isso te ajudará na vida profissional e pessoal. 

Estabeleça metas e não desanime

Somos todos movidos a desafios! Não se acomode ou deixe-se estagnar. Correr atrás de ser uma pessoa melhor, com certeza, isso elevará sua autoestima e te deixará motivada para obter êxito em sua vida profissional.

Aprender a se amar pode não fácil para quem já está com a autoestima abalada. Rodeie-se de quem te faz bem, converse com pessoas queridas e aprenda a se dar valor. Os reflexos serão percebidos pouco a pouco. Quanto mais você se respeitar, mais será respeitada e admirada por todos.

Conte pra gente aqui nos comentários as mudanças que você viu na sua vida depois que passou a elevar a autoestima ou como era sua vida antes disso! 

Rachel Jordan é uma referência no mercado brasileiro de Consultoria de Imagem e Comportamento. Ministra cursos, oficinas e workshops por todo Brasil e online. É colunista da Claudia online, colaboradora de sites de comportamento e estilo.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Share This