Responda sinceramente: você consegue combinar roupas sem medo? Você entende as proporções do seu corpo?

Saiba que, para valorizar a imagem pessoal, é importante, de antemão, conhecer os biotipos, entendendo quais roupas caem melhor no seu formato corporal.

É bastante comum ver mulheres vestindo roupas de acordo com as últimas tendências da moda, mas cujas peças não contribuem em nada para deixar seus corpos mais harmônicos. Por exemplo, a calça em estilo pantacourt é uma peça linda, elegante e que está em alta, porém, não deve ser combinada com peças também largas e/ou grandes — principalmente se você estiver acima do peso.

Para ajudá-la a não cometer erros na hora de escolher suas roupas e dar uma elevada na sua autoestima, listei, aqui, os 5 principais biotipos (ampulheta, retangular, pera ou triangular, triângulo invertido e oval) e como valorizar cada um deles.

Como usar seu biotipo para valorizar sua imagem pessoal:

Ampulheta

É considerada a forma mais proporcional. Neste formato de corpo, ombros e quadris têm a mesma largura, e a cintura é levemente menor, mais fina. Quase tudo cai bem; contudo, deve-se evitar evidenciar ou marcar a cintura demais. Pode ficar desproporcional.

Cuidado com: blazers e jaquetas retas, calças de cintura alta, faixas, cintos e peças com cores contrastantes na região da cintura.

Invista em: calças retas, blazers acinturados e vestidos com pences (por exemplo, um vestido evasé).

Retangular

Este formato de corpo possui ombros, quadris e cintura com a mesma largura. É um corpo que possui menos curvas. Logo, para valorizá-lo é necessário investir em peças mais volumosas.

Cuidado com: blusas e vestidos muito justos, casacos retos e roupas com estampas grandes.

Invista em: calças em modelo flare, casacos acinturados, faixas e cintos com a mesma cor da roupa e roupas com decotes.

Pera ou Triangular

Mulheres com o corpo no formato triangular possuem quadris mais largos do que os ombros. É comum também apresentar a cintura mais fina.

Cuidado com: calças com cintura baixa, estampas na região dos quadris e blusas escuras e mais justas.

Invista em: cintos, blusas com estampa, camisas com bolsos ou babados na região superior, blusas e vestidos com decote em V e casaquinhos mais curtos (até a cintura).

Triângulo Invertido

As proporções deste corpo são contrárias às do corpo no formato de pera. No caso, os ombros e as costas são mais largos do que os quadris. As pernas podem ou não ser mais finas.

Cuidado com: roupas com mangas volumosas, blusas e casacos estampados e saias e calças muito justas (skinny e leggings).

Invista em: blusas escuras, roupas sem volume nos ombros e calças e saias volumosas e/ou estampadas.

Oval

A cintura é mais larga do que os ombros e os quadris — os quais também apresentam um volume grande. Frequentemente, as mulheres com este tipo de corpo possuem uma barriga proeminente e braços e pernas mais cheinhos.

Cuidado com: roupas volumosas, roupas muito justas e camisas e vestidos fechados até o pescoço.

Invista em: casacos acinturados, roupas escuras, blusas com alças maiores (que comportem os seios e os ombros) e vestidos transpassados que modelem a cintura.

Valorizar a imagem pessoal a partir de seu biotipo não é difícil

Espero que você perceba com essas dicas que, para valorizar a sua imagem, é preciso ter em mente o seu tipo de corpo, saber destacar as suas melhores regiões e evitar marcar as áreas com maior volume.

Na dúvida, prove! Provar é sempre a melhor forma de saber se aquela peça funciona ou não para você.

No mais, com autoconhecimento, um pouco de paciência e experimentação, não tem erro. Você se sentirá ainda mais segura e confortável consigo mesma.

Então, gostou das minhas dicas para valorizar a imagem pessoal? Deixe seu comentário!

Rachel Jordan

Rachel Jordan é uma referência no mercado brasileiro de Consultoria de Imagem e Comportamento. Presidente da Associação Internacional de Consultores de Imagem (AICI) Chapter Brasil, Rachel ministra cursos, oficinas e workshops por todo o Brasil e também cursos online. É colunista de moda da revista Claudia, colaboradora de sites de comportamento e tem um canal no Youtube, o Falando de Estilo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *