6 cuidados que você deve ter em um jantar de negócios no exterior

6 cuidados que você deve ter em um jantar de negócios no exterior

6 cuidados que você deve ter em um jantar de negócios no exterior. Você foi escolhida para representar sua empresa em uma viagem para o exterior e participará de alguns eventos. Muita responsabilidade, não é mesmo? Um jantar de negócios é uma ótima maneira de construir relações entre empresários e investidores, e seu comportamento diz muito sobre o tipo de profissional que você é. 

Por isso, no post de hoje, vou dar 6 dicas básicas de etiqueta corporativa para serem usadas nesse tipo de jantar e evitar qualquer constrangimento. Para você ter uma ideia ampla e se preparar para diferentes desafios, vou falar de aspectos de diversas culturas. Continue lendo para saber mais!

 

6 cuidados que você deve ter em um jantar de negócios no exterior

1. Fique atenta à roupa para um jantar de negócios

Ao se preparar para qualquer evento desse tipo, é melhor optar por roupas mais discretas. Os japoneses e os árabes, por exemplo, costumam ser muito conservadores, então, invista em um look com cores escuras e use o mínimo de acessórios possíveis. Escolha saias sociais, já que calças podem ser vistas como ofensivas.

2. Não coloque os cotovelos sobre a mesa

Essa regra é básica, e você provavelmente já ouviu isso de sua mãe ou avó. Ela acaba valendo em quase toda cultura, já que essa postura pode indicar falta de educação. Além disso, ao longo da refeição, você acaba relaxando o tronco e a cabeça, comprometendo sua postura.

3. Tenha cuidado com seus talheres

No geral, você deve utilizar o garfo na mão esquerda e a faca na mão direita. Se estiver no Japão e escolher os hashi (aqueles palitinhos para comer), certifique-se de que sabe usá-los corretamente, pois ficar balançando-os no ar não é de bom tom. Caso não se sinta segura, escolha os talheres convencionais.

Agora, um detalhe importante sobre o Oriente Médio: não leve a faca à boca, pois isso indica que você está cortando as palavras que acabou de dizer, ou seja: está tirando todo o crédito daquilo que foi dito.

4. Esqueça as substituições

A maioria dos restaurantes europeus não adota aquela política de o cliente ter sempre razão, então, procure saber bem quais acompanhamentos seu prato traz e de que você goste deles. Os franceses, por exemplo, não veem com bons olhos os pedidos de substituições e se irritam muito com esse tipo de coisa.

5. Fale baixo

Nós, brasileiros, temos esse jeito alegre de falar e, muitas vezes, excedemos em nosso tom de voz e falamos alto demais. Escolha tons mais suaves e sutis para conversar, pois isso demonstra controle e calma. Evite gesticular demais, pois sua linguagem corporal pode ser mal interpretada, demonstrando ansiedade ou desconforto.

6. Seja cautelosa ao distribuir seu business card

Essa é uma parte importante de eventos corporativos, e há algumas regrinhas a serem seguidas em sua distribuição: por exemplo, se você estiver no Oriente Médio, jamais use sua mão esquerda para entregá-lo a alguém, preferindo sempre a direita. Já em vários países asiáticos, é necessário utilizar as duas mãos na hora da entrega. 

Aliás, ao receber um business card em seu jantar, leia-o com atenção antes de guardá-lo. Se você apenas pegar o cartão e colocá-lo em sua bolsa logo em seguida, isso será interpretado como um gesto de falta educação e desinteresse.

Então, curtiu minhas dicas? A pressão em cima de você pode pesar, eu entendo, pois a responsabilidade é mesmo muito grande. Mas garanto que já está se sentindo mais segura agora para um jantar de negócios, não é?

Se você quiser se aprofundar mais neste assunto, tenho um curso online “Fazendo as Pazes com a Mesa”. Neste curso, você irá aprender de maneira objetiva. Vou falar sobre a importância da etiqueta à mesa e como ela surgiu, vou ensinar o uso correto do guardanapo, talheres, copos e como se comportar em diversas situações, inclusive na hora de comer alguns alimentos que, geralmente, causam dúvidas. Acesse a página do curso e comece a assistir agora mesmo.

E para continuar se preparando, que tal ficar um pouco mais aqui no blog e ler sobre regras de etiqueta corporativa no exterior? Estudando sempre, você ficará mais confiante para atender a compromissos com sucesso!

Rachel Jordan é especializada em Imagem, Comportamento e Protocolos Internacionais. Instrutora e palestrante, executa um trabalho estratégico e personalizado para empresas e pessoas que desejem melhorar sua imagem pessoal e profissional com o objetivo de se reposicionar na carreira ou se colocar de forma mais adequada nas diferentes situações do cotidiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This